Atividade Física e Redução do Comportamento Sedentário durante a Pandemia do Coronavírus [Originalmente publicado nos Arq. Bras. Cardiol.]

As evidências com base nos estudos consultados confirmam a importância da continuidade da prática de atividade física, durante a pandemia do novo coronavírus, na intensidade/duração leve a moderada, preferencialmente em ambiente abertos, ou mesmo dentro de casa. Além disto, é muito importante que se enfatize também a redução do comportamento sedentário, ou seja o tempo que ficamos sentados, deitados ou reclinados em frente a televisão, computador e semelhantes, excetuando-se as horas de sono. Imagem: Izuddin Helmi Adnan. Read More →

Immunocompromised patients and coronavirus disease 2019: a review and recommendations for dental health care [Originally published in Braz. Oral Res., vol. 34]

Changes in the current guidelines have been proposed to SARS-CoV-2 infection control in order to provide the best and safe dental practice. However, they still need to be validated by future studies. Available in English. Image: Jon Tyson. Read More →

The need to strengthen Primary Health Care in Brazil in the context of the COVID-19 pandemic [Originally published in Braz. Oral Res., vol. 34]

Brazil, like other countries, has faced the SARS-CoV-2 pandemic. As Brazil has a universal and decentralized health system, in which PHC has been the model of health re-organizing the health system; here we reflected the importance of strengthening PHC in Brazil in the times of coronavirus disease 2019 pandemic. Available in English. Image: Tim Mossholder. Read More →

Importation and early local transmission of COVID-19 in Brazil, 2020 [Originally published in Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo, vol. 62]

We conducted the genome sequencing and analysis of the first confirmed COVID-19 infections in Brazil. Rapid sequencing coupled with phylogenetic analyses in the context of travel history corroborate multiple independent importations from Italy and local spread during the initial stage of COVID-19 transmission in Brazil. Available in English. Image: engin akyurt. Read More →

The impact of COVID-19 on Brazilian mental health through vicarious traumatization [Originally published in Braz. J. Psychiatry]

Pandemics and epidemics affect physical health and compromise psychosocial integrity, generally resulting in a high level of psychological suffering and psychosocial maladjustment. People facing the novel coronavirus (COVID-19) outbreak tend to be more susceptible to alterations in physical (not necessarily related to clinical symptoms), cognitive, behavioral and emotional aspects. Available in English. Image: Andrew Leu. Read More →

A ciência e a RBCE em tempos de pandemia [Originalmente publicado na Rev. Bras. Ciênc. Esporte, vol.42]

Ao tempo que lançamos o volume 42 da Revista Brasileira de Ciências do Esporte, enfrentamos uma pandemia. Na véspera de 2020, em 31 de dezembro de 2019, a China alertou Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre vários casos de pneumonia na cidade de Wuhan. Disponível em português. Read More →

How psychosocial and economic impacts of COVID-19 pandemic can interfere on bruxism and temporomandibular disorders? [Originally published in J. Appl. Oral Sci., vol. 47]

Remarkably, it could be expected that psychological factors associated to pandemic may lead to a greater risk of developing, worsening and perpetuating bruxism (mainly awake bruxism) and TMD. Orofacial pain specialists should be aware of this fact. Guidelines for patient’s education, self-management, home care and relaxations techniques are already available on the WEB and are useful tools in times of social isolation and pain. Available in English. Image: Yingpis Kalayom. Read More →

Anos de vida perdidos ajustados por incapacidade (DALY) entre os profissionais de enfermagem devido a infecção pelo COVID-19 no Brasil

Este estudo permite comparar a carga da doença com outros profissionais, entre regiões e outros países, salientando-se, no entanto, a necessidade de estudos de base populacional para cada profissional de saúde que forneçam informação específica de morbilidade, para orientar e informar decisões acerca da implementação de medidas para a redução da carga da doença e melhoria dos desfechos relacionados ao COVID-19. Available in English. Read More →

SARS-COV-2 and arbovirus infections: protocol for a rapid living systematic review

While cases of COVID-19 disease increase daily worldwide, outbreaks of arboviral infections have affected health systems of countries in tropical regions. The outcomes for patients and health systems of a possible syndemic are not clarified yet. Thus, we aim to systematically review the literature searching for evidence that describes the clinical presentation, severity and prognostic of SARS-CoV-2 and Arboviral coinfection. Available in English. Read More →

Emergência de saúde pública global por pandemia de COVID-19: desinformação, assimetria de informações e validação discursiva

Na pandemia do COVID-19 são muitas as tensões, controvérsias e conflitos entre autoridades sanitárias, pesquisadores, profissionais de saúde, pensadores críticos e defensores de direitos humanos e sociais. Destaca a importância da validação discursiva da informação pois a disseminação da informação na sociedade enfrenta o filtro do uso público da razão, particularmente aguçado pelo horizonte da finitude humana. Disponível em português. Read More →

Coronavírus – SARS-CoV-2: Classe de risco e consensos de biossegurança para laboratório com amostras infectantes

O artigo destaca a classe de risco e os consensos dos requisitos mínimos de biossegurança para atividades em laboratórios clínicos e diagnósticos com o SARS-COV-2, assim como, a prevenção de riscos biológicos aos profissionais, evitando disseminação acidental às famílias e à comunidade. Disponível em português. Read More →

Vulnerabilidade estrutural dos hospitais e cemitérios e crematórios da cidade de São Paulo à COVID-19

Incluímos em nossas análises óbitos confirmados e óbitos suspeitos de COVID-19. Os principais objetivos deste relatório são: (1) descrever a estrutura do fluxo de vítimas entre localidades e (2) sugerir mudanças no fluxo com base em distâncias geográficas de maneira a evitar uma potencial sobrecarga do sistema funerário. Sugere-se à prefeitura da cidade de São Paulo que seja realizado um planejamento para uma potencial sobrecarga do sistema funerário (isto é, número de sepultamentos) da cidade de São Paulo com base nos resultados apresentados. Disponível em português. Read More →

Disseminação da COVID-19 em cidades e comunidades ribeirinhas da Amazônia Central

As populações da Amazônia são extremamente vulneráveis à COVID-19 devido ao intenso fluxo entre as localidades rurais e as sedes municipais e à falta de infraestrutura de saúde básica adequada na região. O objetivo deste estudo foi (1) avaliar o efeito da medida de distanciamento social sobre a disseminação da COVID-19 em sedes municipais e (2) estimar o impacto da redução do contato entre a população rural e urbana sobre a contaminação de localidades rurais da Amazônia Central, região do Médio Solimões. Nossos resultados indicam que o distanciamento social pode reduzir significativamente a velocidade de contaminação da população em sedes municipais. Disponível em português. Read More →

Medicamentos utilizados no tratamento da COVID-19 em pacientes com insuficiência renal: uma atualização

Até o momento, não há estudos que auxiliem os profissionais de saúde no ajuste de dose destes medicamentos. Assim, este estudo tem como objetivo revisar e discutir o tema, levando em consideração os fatores relacionados à lesão renal na COVID-19, bem como aspectos farmacocinéticos e recomendações de doses dos principais medicamentos utilizados para COVID-19. Disponível em português. Read More →

Influência do distanciamento social causado pela pandemia da COVID-19 nos atendimentos de emergência e internações em pediatria

O objetivo deste artigo foi comparar o número de atendimentos em emergências pediátricas e internações hospitalares, considerando um período de tempo no qual vigoravam medidas de distanciamento social e restrição de mobilidade urbana, com o mesmo período em anos anteriores à pandemia da COVID-19. Realizamos um estudo de uma série de casos de atendimentos em duas emergências pediátricas e internações hospitalares entre 16 de março e 16 de abril de 2020 (primeiro mês de distanciamento social no Estado do Rio de Janeiro). Disponível em português. Read More →