Tag: Políticas Públicas

RAP | Ações e Estratégias COVID-19

O dia 12/12/2019 marcou o surgimento de um novo coronavírus (COVID-19). Declarado como pandemia pela OMS, o COVID-19 vem expondo as fragilidades dos sistemas sanitários e desafiando governos globalmente. A Revista de Administração Pública elaborou uma série de ações que buscam se juntar aos esforços de atores públicos, privados e sem fins lucrativos mobilizados no enfrentamento da pandemia. Read More →

Por que a reforma da comunicação científica parece tão difícil e lenta?

O mundo enfrenta problemas globais para os quais a ciência é necessária como parte da solução. No entanto, o sistema de comunicação científica não é remotamente tão rápido e aberto quanto necessário para uma colaboração mundial eficiente. Os poderes que estão em posição de reformar o sistema são muito tímidos. Crises como a COVID-19 poderão despertá-los? Read More →

Resposta imediata da Vigilância em Saúde à epidemia da COVID-19 [Originalmente publicado como editorial na Epidemiologia e Serviços de Saúde vol. 29 no. 1]

Em 31 de dezembro 2019, foi notificada à Organização Mundial da Saúde (OMS) a ocorrência de um surto de pneumonia na cidade de Wuhan, província de Hubei, República Popular da China. Rapidamente, identificou-se o agente etiológico, um novo coronavírus: SARS-COV-2. O surto teve início em um mercado de frutos do mar e animais vivos e, até o momento desta publicação, o reservatório animal é desconhecido. Read More →

O valor da redução dos picos epidêmicos da COVID-19 para respostas mais efetivas à saúde pública [Originalmente publicado como editorial na Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical vol. 53]

O surgimento do vírus SARS-Cov-2 em Wuhan, China, em dezembro de 2019, levou a uma epidemia local que se espalhou rapidamente para vários países do mundo, impondo desafios consideráveis em vigilância e controle. Em 16 de março de 2020, a OMS declarou que a infecção associada ao SARS-Cov-2, denominada COVID-19, havia se espalhado em mais de 100 países, com mais de 160.000 casos confirmados e mais de 6.000 mortes em todo o mundo. Read More →

O surto de coronavírus (COVID-19) ressalta sérias deficiências na comunicação científica [Publicado originalmente no LSE Impact Blog em março/2020]

À medida que as respostas da pesquisa e do governo ao surto de COVID-19 aumentam diante de uma crise global de saúde pública, Vincent Larivière, Fei Shu e Cassidy R. Sugimoto refletem sobre os esforços para tornar a pesquisa sobre este assunto mais amplamente disponível. Argumentando que um foco restrito em pesquisas publicadas em periódicos de alto nível, predominantemente em inglês, impediu os esforços de pesquisa, eles sugerem que a ênfase renovada na realização de pesquisas abertas sobre o vírus apresenta uma oportunidade de reavaliar como os sistemas de pesquisa e comunicação científica servem ao bem público. Read More →

O modelo SciELO de publicação como política pública de acesso aberto

Este post compartilha a breve descrição do modelo SciELO de publicação em acesso aberto apresentada por Abel L Packer, Diretor do SciELO, no 14th Berlin Debate on Science and Science Policy que teve como tema Who Owns Science? Reshaping the Scientific Value Chain in the 21st Century. A descrição destaca o Programa SciELO como marco de trabalho para o desenvolvimento e implantação de políticas nacionais de apoio a periódicos de qualidade e como programa de cooperação internacional. O debate foi realizado no contexto da Falling Walls Conference comemorando os 30 anos da queda do muro de Berlin. Read More →

É iminente um dramático impulso ao acesso aberto? Acredito que sim!

Desenvolvimentos recentes, como o Plano S, um mandato de financiadores para que os beneficiários publiquem suas descobertas em acesso aberto, bem como o crescimento de preprints – em termos de número de artigos depositados e serviços de preprints disponíveis – estão associados a um grande impacto na quantidade de novas publicações de periódicos científicos que podem ser acessados de forma aberta e gratuita por qualquer pessoa, em qualquer lugar. Read More →

Conclusões da conferência internacional sobre Comunicação Científica Aberta promovida pelo EKT [Publicado originalmente no site do EKT em Julho/2018]

A conferência, organizada pelo National Documentation Centre (EKT) em cooperação com a rede OPERAS, foi direcionada às organizações que promovem a Comunicação Científica Aberta e Ciência Aberta, com foco nas Ciências Sociais e Humanas. Read More →

Discutindo indicadores em financiamento à pesquisa: Qual o papel das altmetrias? [Publicado originalmente no blog Europe of Knowledge em Dezembro/2017]

Em qualquer extensão, altmetrias, ou métricas alternativas, estão ganhando força no ensino superior. Este post é baseado em minha dissertação de mestrado, que explora o uso de altmetria com foco em financiamento à pesquisa. As altmetrias rastreiam e contam as menções de citações acadêmicas em mídias sociais, sites de notícias, documentos de política e sites de bookmarking social. Em seguida, os provedores de dados altmétricos agregam o número de menções. Isso permite uma observação de quantas vezes a pesquisa foi visualizada, discutida, seguida, compartilhada e baixada. Read More →

O sistema Qualis: a perspectiva de um periódico multidisciplinar [Publicado originalmente no editorial do vol. 89 no. 3 nos Anais da Academia Brasileira de Ciências]

O sistema Qualis de avaliação de periódicos da CAPES penaliza o desenvolvimento de periódicos multidisciplinares como os Anais da Academia Brasileira de Ciências (AABC). Presente em 39 das quase 40 áreas de avaliação, o ranking dos Anais varia do estrato A2 a B5. Quando o Qualis rebaixa o ranking dos Anais em uma determinada disciplina ocorre imediatamente uma diminuição nas submissões recebidas, afetando a evolução do periódico e a gestão editorial a médio e longo prazo. Em editorial, o editor-chefe dos AABC reivindica ações afirmativas para qualificar a pesquisa do Brasil com um periódico multidisciplinar de qualidade. Read More →

Aos 50 anos a BIREME está face a face com a nova biblioteconomia

​A perspectiva de acesso equitativo à informação científica em saúde que fundamentou há 20 anos a criação e desenvolvimento da Biblioteca Virtual em Saúde vem se tornando realidade. Entretanto, no aniversário de 50 anos da BIREME, o escopo e as funções da biblioteconomia e das ciências da informação se veem tão tensionadas como há duas décadas pelo avanço da ciência aberta e a consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Read More →

Editores de periódicos brasileiros – uma vida dura que está ficando ainda mais difícil! [Publicado originalmente no editorial do vol. 89 no. 1 nos Anais da Academia Brasileira de Ciências]

O financiamento dos periódicos do Brasil poderá aperfeiçoar-se com a extensão do prazo de vigência dos auxílios a pesquisa, de forma a permitir aos editores um melhor planejamento da publicação dos artigos. Um editorial da autoria de Alexander Kellner no primeiro número de 2017 dos Anais da Academia Brasileira de Ciências analisa o desafio enfrentado pelos editores de periódicos no Brasil e ressalta seu trabalho árduo para atrair manuscritos relevantes, buscando atingir níveis de excelência e internacionalização cada vez maiores. Read More →

Cinco coisas a serem consideradas ao projetar uma política para medir o impacto da pesquisa [Originalmente publicado no The Conversation]

A decisão do governo australiano de medir o impacto da pesquisa universitária na sociedade introduz muitos novos desafios que não eram previamente relevantes quando a avaliação enfocava somente o mérito acadêmico. Read More →

Como avaliar propostas de auxílio à pesquisa?

A avaliação por pares de propostas de auxílio à pesquisa (grants) tem como finalidade julgar o mérito de projetos e pesquisadores e permitir que os melhores sejam contemplados. O diretor de uma instituição no Reino Unido compartilhou no Twitter sua dificuldade em avaliar as inúmeras propostas recebidas e deu origem a um fórum de discussão do qual emergiram ideias e sugestões. Read More →

Indicadores bibliométricos da produção científica europeia

A Europa reúne muitos países líderes em pesquisa científica e tecnológica e conta com programas de incentivo à cooperação entre instituições, países e regiões para fomentar a competitividade, impacto e relevância de sua investigação. Um completo estudo com base em índices bibliométricos analisa a produção científica da região e avalia sua contribuição na criação da European Research Area. Read More →