Tag: Scielo 20 Anos

SciELO 20 anos: de visionário a imprescindível [Publicado originalmente no Jornal da Unicamp em Outubro/2018]

O SciELO completa 20 anos, superando nessas duas décadas a marca de 1.200 revistas de 14 países, indexadas e acessíveis por seu portal. São mais de 700 mil acessos diários. O projeto é ainda pioneiro na produção de fonte de informação complementar às as bases bibliográficas e bibliométricas canônicas internacionais. Read More →

Como os periódicos podem aproveitar ao máximo sua associação ao Crossref

Bem-vindo à série de blogs do Crossref/SciELO sobre DOIs e os metadados associados a estes identificadores persistentes. Nos posts anteriores, Chrissie Cormack Wood, Chefe de Comunicações que lhes apresentou o Crossref, falou sobre o papel crítico do DOI, Isaac Farley, Gerente de Suporte do Crossref, escreveu sobre a diferença entre preprints e ahead of print, e Rachael Lammey, Chefe de Contato com Membros & Comunidades, discutiu as opções para a aquisição do DOI. Esse post completa a série e fornece informação sobre como os periódicos podem estender seu uso dos DOIs do Crossref para serviços adicionais. Read More →

PKP e SciELO anunciam desenvolvimento de um sistema de código aberto de Servidor de Preprints

Em comemoração ao aniversário de 20 anos do SciELO, o Public Knowledge Project une-se ao SciELO para colaborar no desenvolvimento de um sistema de Servidor de Preprints multilíngue e multidisciplinar, baseado no Open Journal Systems, que será integrado e servirá à comunidade de periódicos SciELO. Read More →

Base de Dados Científicos da Universidade Federal do Paraná

Apresenta a concepção, o desenvolvimento e a implantação da Base de Dados Científicos da Universidade Federal do Paraná (BDC/UFPR), criada em parceria entre o Centro de Computação Científica e Software Livre (C3SL) e o Sistema de Bibliotecas (SiBi) da UFPR. Aborda a metodologia de cada etapa e destaca os diferenciais para o sucesso do projeto, como o engajamento de uma equipe multidisciplinar alinhada aos princípios da Ciência Aberta. Read More →

Aos 20 Anos, a Rede SciELO atualiza prioridades e avança para a ciência aberta

Os 20 Anos do SciELO marcam a passagem para um novo período de desenvolvimento do programa, da rede de 16 coleções nacionais e principalmente dos periódicos, que será caracterizado pela adoção progressiva das boas práticas de comunicação da ciência aberta, que preconiza a rapidez e transparência nos processos de avaliação e comunicação das pesquisas e a abertura dos conteúdos subjacentes aos artigos em prol do seu reuso e da reprodutibilidade dos resultados. A atualização das linhas prioritárias de ação contribuirá para a atualização das políticas de indexação das coleções e das políticas editoriais dos periódicos. Read More →

Série de entrevistas com o Presidente e ex-presidentes da ABEC: Entrevista com Lewis Joel Greene

A Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC) e o SciELO têm papéis fundamentais na promoção de políticas que visem o avanço da ciência brasileira, no que tange a produção, divulgação e internacionalização, além de sempre trazer a discussão da ética e das boas práticas, objetivando fomentar todo o ecossistema editorial brasileiro, ou seja, do pesquisador/autor passando pelas prestadoras de serviços, até a sua publicação. Essa entrevista, com Lewis Joel Greene, que foi presidente da ABEC de 1996 a 1999, é a segunda da série de entrevistas com o Presidente e ex-presidentes da ABEC. Read More →

Série de entrevistas com o Presidente e ex-presidentes da ABEC: Entrevista com Rui Seabra Ferreira Jr.

A Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC) e o SciELO têm papéis fundamentais na promoção de políticas que visem o avanço da ciência brasileira, no que tange a produção, divulgação e internacionalização, além de sempre trazer a discussão da ética e das boas práticas, objetivando fomentar todo o ecossistema editorial brasileiro, ou seja, do pesquisador/autor passando pelas prestadoras de serviços, até a sua publicação. Read More →

Competitividade e Acesso Aberto de periódicos em um país de língua não inglesa

J-STAGE é uma plataforma de periódicos no qual as sociedades acadêmicas japonesas podem publicar seus periódicos. Embora mais de 80% deles sejam de livre acesso, a maioria deles não afirma ser de acesso aberto. Algumas barreiras à publicação de acesso aberto são descritas com base em nossa experiência obtida através de conversas com as sociedades. Read More →

Os fundamentos do patrocínio no Crossref

Há muitos periódicos que desejam registrar conteúdo e se beneficiar dos serviços prestados pelo Crossref, mas podem não conseguir fazê-lo sozinhos. Estas organizações usam patrocinadores. Patrocinadores são organizações que publicam em nome de grupos de organizações menores. Cerca de 650 dos 800 membros do Brasil do Crossref são representados por um patrocinador. Read More →

Produção e impacto da pesquisa brasileira: confrontando contextos internacional e nacional

A pesquisa científica brasileira, vista através de seus artigos e de seu impacto revela um cenário que há 30 anos atrás não se poderia descrever. O SciELO concretiza o que Garfield vislumbrou para a América Latina na década de 90, permitindo delinear o fluxo de citações como em muitos países ainda não se viu até o momento, e permitindo questionar a pertinência da expressão de Gibbs: “lost science in the third world”. Read More →

Os fundamentos sobre os tipos de conteúdo: Preprints, Crossmark, traduções e muito mais

Qual é a diferença entre preprints e ahead of print? Quando você deve usar cada um deles; e quais são os requisitos do DOI? Esta matéria responde a estas perguntas e fornece uma visão geral básica de como conectar os registros de metadados de tipos de conteúdo relacionados, como traduções. Read More →

O artigo e os periódicos científicos têm futuro?

Como pensar o futuro da comunicação científica, visando sua mais ampla circulação, uso, citação e impacto? Propõe-se focar mais em atender às necessidades do “Grande Diálogo” na produção do conhecimento e menos nas estratégias de financiamento e sobrevivência das formas canônicas de comunicação científica, ante os efeitos disruptivos do acesso aberto. Read More →

Em direção ao acesso aberto universal? Por que precisamos de bibliodiversidade em vez de uma “bala de prata”

O atual debate sobre o acesso aberto é muitas vezes baseado em generalizações indevidas que defendem modelos “bala de prata” para inverter globalmente o sistema de comunicação científica. Esta abordagem é falha, pois não leva em conta a diversidade de práticas de comunicação entre as diferentes disciplinas e países. Read More →

A relevância dos livros na comunicação científica – o caso do SciELO Livros

Os manuscritos foram os primeiros repositórios de comunicação científica. Ao longo dos séculos e das novas tecnologias, a ciência foi comunicada por livros, por correspondências pessoais entre pesquisadores, periódicos e livros em papel até chegarmos às tecnologias eletrônicas e à Internet. Ao longo do século XX, os periódicos tornaram-se predominantes como meio de comunicação dos resultados da pesquisa, com rápida adaptação às funcionalidades oferecidas pelas mudanças tecnológicas. Na Reunião da Rede SciELO da Semana SciELO 20 Anos, um grupo de trabalho analisará e discutirá a relevância dos livros na comunicação científica, com foco no progresso das editoras de livros acadêmicos e, mais especificamente, no Programa SciELO Livros. Read More →

O papel crítico do DOI

Descubra porque os links de URL para artigos de pesquisa são frágeis e como os DOIs são essenciais na criação de links estáveis e persistentes para objetos de pesquisa. Isso é obtido através dos metadados que os membros depositam no Crossref como parte de suas obrigações. Saiba como todos nós podemos contribuir para criar um registro de pesquisa global e robusto. Read More →