Comemorando o aumento da qualidade, visibilidade e acessibilidade dos periódicos científicos da África do Sul

Da esquerda para direita: Khotso Mokhele, Susan Veldsman, Daya Reddy e Abel Packer. Foto: Monsoon Photography.

Da esquerda para direita: Khotso Mokhele, Susan Veldsman, Daya Reddy e Abel Packer. Foto: Monsoon Photography.

Na semana passada fez-se história na Academy of Science for South Africa (ASSAf), quando a recém-certificada coleção SciELO África do Sul foi lançada oficialmente e, ainda, a primeira SciELO SA User Group Meeting e a edição anual do National Scholarly Editors Forum foram realizadas.

Um bem sucedido jantar de lançamento do SciELO África do Sul aconteceu em 22 de julho de 2013 para celebrar a certificação do Portal Global da Rede SciELO. O lançamento foi prestigiado por muitos interessados e personalidades como o Assessor do Departamento de Ciência e Tecnologia; o Ministro, Dr. Khotso Mokhele; o Dr. Thomas Auf der Heyde (Diretor-Geral Adjunto da DST); Sua Excelência o Dr. De Mendonça; o embaixador do Brasil para a Africa do Sul; Abel Packer, coordenador/diretor do SciELO Brasil;  Richard van Noorden (Reporter Senior: Nature); o Presidente e o Diretor Executivo da ASSAf. O objetivo do lançamento foi celebrar a certificação da coleção SciELO África do Sul e conscientizar os esforços da África do Sul para tornar os periódicos sul-africanos de qualidade visíveis e acessíveis. Durante o jantar, Dr. Khotso Mokhele foi o orador convidado, e o Coordenador do SciELO no Brasil, Abel Packer, entregou o documento de certificação ao Dr. Khotso Mokhele. A Sra. S. Veldsman também recebeu um Certificado de Louvor pela Electronic Publishing Trust, em reconhecimento pelo seu trabalho em prol do Acesso Aberto nos países em desenvolvimento. A Profa. Roseanne Diab, Diretora Executiva da ASSAf, observou que o SciELO África do Sul representa uma grande oportunidade para fortalecer a relação entre Brasil e África do Sul. Foi uma grande honra receber o embaixador do Brasil na Africa do Sul, Sua Excelência o Dr. De Medonça, no lançamento.

SciELO África do Sul possui atualmente 26 títulos na plataforma e prevê-se que, futuramente, 180 periódicos sul africanos de alta qualidade serão hospedados no servidor.

No mesmo dia, o primeiro encontro de editores de SciELO África do Sul foi realizado na Academia. Aproximadamente 35 editores e editores associados estiveram presentes. Os temas abordados incluíram as licenças creative commons e acordos editoriais entre a ASSAf e os periódicos da África do Sul de SciELO.  Discussões proveitosas foram mantidas durante o dia, e o Grupo de Usuários continuará aumentando com o acréscimo de recursos existentes e também novos. O Dr. Hamish Robertson (editor) informou que ele foi incentivado pela ênfase em qualidade nas publicações do SciELO e considerou as discussões úteis e interessantes, e a Profa. Janet Seggie (editora) adicionou: “a reunião melhora minha compreensão sobre acesso aberto em termos de seu alcance atualmente e no futuro através do SciELO África do Sul”.

Wieland Gevers, Coordenador do National Scholarly Editors Forum. Foto: SciELO.

Wieland Gevers, Coordenador do National Scholarly Editors Forum. Foto: SciELO.

O National Scholarly Editors Forum é um evento anual; a reunião foi realizada no dia 23 de julho de 2013 no CSIR International Convention Centre, em Pretoria. Noventa e oito editores científicos das várias áreas do conhecimento estiveram presentes. O objetivo do National Scholarly Editors Forum é apoiar e promover a publicação acadêmica de qualidade na África do Sul. A sessão da manhã foi dedicada a temas administrativos, na qual foi discutido o futuro do Forum. A tarde seguiu com apresentações de três oradores convidados: Abel Packer (SciELO Brasil), Richard van Noorden (repórter sênior: Nature) e Philip Purnell (Thomson Reuters), que fizeram apresentações, respectivamente, sobre SciELO Brasil, o futuro da publicação acadêmica, e a evolução dos indicadores de artigos para substituir o atual excesso de uso dos fatores de impacto de periódicos. Seguiram-se discussões sobre as apresentações, e feedback por parte dos editores indicaram que as apresentações e discussões foram de grande proveito. O Dr. Robertson também comentou que a força deste fórum é que cobre todas as disciplinas acadêmicas e que as apresentações de Richard van Noorden e Philip Purnell foram brilhantes. Tamsyn Sherwill acrescentou dizendo: “eu tenho assistido às Annual NSEF Meetings desde 2009 e têm sido de valor inestimável para mim na minha ‘educação’ em curso e experiência como editora de periódico. Dado o carater bastante isolado e da vida muitas vezes focada em objetivos de um editor de periódicos em tempo integral, este encontro fornece uma oportunidade anual sobre o vasto mundo da publicação acadêmica, oferecendo a oportunidade de expor a novos desenvolvimentos, novas ideias, novas pessoas, novos redes e novas realidades – presentes e futuras, locais e internacionais. Este ano, a adição da SciELO User Group Meeting tornou a experiência ainda mais ampla e valiosa.”

A presença, a participação e as apresentações feitas pelo Abel Packer nestes últimos três eventos, sobre a publicação acadêmica na Assaf, ressaltaram o perfil e a importância tanto da Rede SciELO como de SciELO África do Sul.

S Veldsman

Diretora da Unidade de Publicação Acadêmica

L van Heerden

Gerente de Operações de SciELO África do Sul

 

Tradução do original em inglês.

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

SCIENTIFIC ELECTRONIC LIBRARY ONLINE. Comemorando o aumento da qualidade, visibilidade e acessibilidade dos periódicos científicos da África do Sul [online]. SciELO em Perspectiva, 2013 [viewed ]. Available from: http://blog.scielo.org/blog/2013/07/31/comemorando-o-aumento-da-qualidade-visibilidade-e-acessibilidade-dos-periodicos-cientificos-da-africa-do-sul/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation