Avenida Paulista, mais de 120 anos… a mais paulista das avenidas

Os participantes da Conferência SciELO 15 anos certamente terão a oportunidade de visitar e caminhar pelos calçadões da Avenida Paulista que recebe milhares de pessoas todos os dias. A mais paulista das avenidas é uma efervescente paisagem urbana. O Hotel Intercontinental, que abrigará a conferência, situa-se na Alameda Santos, a primeira rua paralela ao sul da Avenida Paulista.

A Avenida Paulista é o principal centro financeiro, polo econômico e cultural de São Paulo. Agrega, no limite entre as zonas Centro-Sul e Oeste da cidade, escritórios de muitas empresas, consulados, hotéis, bancos, centros educacionais e culturais, livrarias, vários hospitais, salas de cinema, teatros, além de bares e restaurantes.

Marcada por sua enorme visibilidade, a Avenida Paulista transformou-se nos últimos anos no espaço público de referência de manifestações de protesto e denúncia, assim como de festividades e comemorações. Todo final do ano recebe a famosa corrida São Silvestre.

A Avenida Paulista foi criada em 8 de dezembro de 1891.  Com uma extensão aproximada de 3 km, inicia-se na Praça Oswaldo Cruz, onde fica instalada uma escultura do Índio Pescador, do artista Francisco Leopoldo da Silva. Na outra ponta, final da Avenida, está a Praça Marechal Cordeiro de Farias, também chamada de Praça dos Arcos, onde se avista a escultura de nome Caminho ou Arcos ou, ainda, Arco-íris Metálico, de Lílian Amaral e Jorge Bassani.

trianon

Parque Trianon. Foto: Mathieu Plourde.

A duas quadras do Hotel Intercontinental, na altura do número 1.700, está localizado o Parque Tenente Siqueira Campos, mais conhecido hoje como Parque Trianon. Nas décadas de 1910, e principalmente nas de 30 e 40, conta-se que esse lugar era bastante frequentado por intelectuais, transformando-se assim em uma espécie de símbolo da elite paulistana. Entre os paisagistas responsáveis pelo projeto do parque estão Paul Villon e Barry Parker. Um pequeno terreno com cerca de 48 mil metros quadrados, cuja vegetação é composta por remanescentes da Mata Atlântica, o Parque Trianon é um cantinho verde, lugar de respiro em meio ao trânsito, ao ritmo acelerado da cidade.

No seu conjunto arquitetônico diverso, a Avenida se traduz em diferentes épocas. Há o registro – ainda que mínimo – dos tempos dos grandes casarões do século XIX, pertencentes em maioria aos proprietários de grandes fazendas de café no interior paulista. Também, nota-se pelas construções mais recentes de edifícios com mais de vinte e trinta andares, da década de 1950 ao século XXI, o movimento intensificado da região que cresceu e, portanto, substituiu seus bondes elétricos e suas carruagens pelos carros particulares, ônibus e metrô.

Roteiro para uma caminhada pela Av. Paulista

casa_das_rosas

Casa das Rosas. Foto: Delma Paz.

CASA DAS ROSAS – ESPAÇO HAROLDO DE CAMPOS DE POESIA E LITERATURA

Av. Paulista, 37

O convite para o passeio à Avenida Paulista enfatiza um de seus endereços mais expressivos, o número 37, que além de monumento construído na época dos casarões do século XIX, é hoje lugar de saraus, poetas e livros. Verdadeiro centro de referência, que contém acervo de mais de vinte mil obras pertencentes à biblioteca do poeta Haroldo de Campos, como também de objetos de arte de sua coleção pessoal. Oferece aos passantes, além de um café ao ar livre, um jardim coberto de rosas… rosas vermelhas, brancas, alaranjadas…

fiesp

Edifício FIESP. Foto: Connectionconsulting.

CENTRO CULTURAL FIESP RUTH CARDOSO

Av. Paulista, 1.313

Concentra uma série vasta de programações tanto em sua Galeria de Arte, como no Teatro do Sesi e no Espaço Mezanino, com espetáculos de dança, música, entre outros.

CENTRO CULTURAL ITAÚ

Av. Paulista, 149

Oferece a seus visitantes exposições artísticas e seminários voltados para literatura, audiovisual, multimídia, etc. Compõe acervo de mais de 30 mil documentos sobre arte e cultura brasileira.

FNAC

Av. Paulista, 901

Espaço conhecido de livraria e comércio de informática, entre outros, além do café especial no segundo andar do mesmo endereço.

LIVRARIA CULTURA

livraria_cultura

Interior da Livraria Cultura. Foto: Sampaist.

Av. Paulista, 2.073

Instalada com várias lojas do complexo comercial denominado Conjunto Nacional da Avenida Paulista, esta é uma das livrarias mais diversificadas em produtos editoriais, importados e nacionais. Também contempla uma cafeteria, ponto de encontro de muitos intelectuais e leitores diversos.

MARTINS FONTES

Av. Paulista, 509

Editora e Livraria das mais antigas do País, muito importante como selo de qualidade de suas publicações desde a década de 1960, quando foi criada.

MUSEU DE ARTE DE SÃO PAULO (MASP) ASSIS CHATEAUBRIAND

masp

Museu de Arte de São Paulo (Masp) Assis Chateaubriand. Foto: Valéria Peres.

Av. Paulista, 1.578

Um dos principais museus da cidade de São Paulo, Património Histórico e Artístico Nacional. Seu idealizador foi Assis Chateaubriand. Seu acervo contempla pinturas, esculturas, coleções de gravuras, fotografias, desenhos, etc., de artistas nacionais e estrangeiros. No vão livre do MASP, aos domingos, vale conhecer a tão visitada feira de antiguidade.

RESERVA CULTURAL

Av. Paulista, 900

Lugar aconchegante da Avenida. Vale conferir o seu restaurante, o café e a pequena livraria, afora as salas de cinema, sempre com uma programação especial e mostras.

SARAIVA

(Nas imediações da Av. Paulista, no seu início) Shopping Pátio Paulista, Rua Treze de Maio, 1.947

Editora e Livraria que insere a lista das mais tradicionais do País, com uma diversidade de produtos editorias muito significativa. Além de livros, encontram-se aí produtos de informática e papelaria.

Links externos

Avenida Paulista – http://pt.wikipedia.org/wiki/Avenida_Paulista

Corrida São Silvestre – http://pt.wikipedia.org/wiki/Corrida_Internacional_de_S%C3%A3o_Silvestre

Índio Pescador – http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Ottone-Zorlini-Indio-Pescador-decada-40.jpg?uselang=pt-br

Praça Arcos – http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pra%C3%A7a_dos_Arcos,_SP_1.jpg?uselang=pt-br

Parque Trianon – https://commons.wikimedia.org/wiki/Category:Trianon_Park?uselang=pt-br

Metrô de São Paulo – http://pt.wikipedia.org/wiki/Metr%C3%B4_de_S%C3%A3o_Paulo

Casa das Rosas – http://pt.wikipedia.org/wiki/File:CasaDasRosas.jpg

Museu de Arte de São Paulo – http://pt.wikipedia.org/wiki/Museu_de_Arte_de_S%C3%A3o_Paulo

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

SCIENTIFIC ELECTRONIC LIBRARY ONLINE. Avenida Paulista, mais de 120 anos… a mais paulista das avenidas [online]. SciELO em Perspectiva, 2013 [viewed ]. Available from: http://blog.scielo.org/blog/2013/07/31/avenida-paulista-mais-de-120-anos-a-mais-paulista-das-avenidas/

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post Navigation