Identificadores e Pesquisa: Fundamentos e Planos do ORCID – Entrevista com Laure Haak

O Brasil está promovendo um avanço notável na adoção do identificador de pesquisadores ORCID com a formação do Consorcio Consórcio Brasileiro ORCID liderado pela CAPES com a participação de várias organizações entre as quais o SciELO. Todos os periódicos SciELO Brasil publicarão os artigos com o ORCID dos autores a partir de 2019. Entrevista com Laure Haak realça a importância do ORCID.

Porque identificadores persistentes são importantes em sistemas de informação de pesquisa systems?

A informação sobre pesquisa só é útil se puder ser compartilhada, seja para citar o corpo de trabalho de uma pessoa, para avaliar o impacto de uma carteira de financiamento ou para avaliar a contribuição de uma universidade para o ensino e pesquisa. Todos estes exemplos exigem que a informação seja compartilhada e, em nossa era digital, isso significa compartilhamento entre os sistemas de dados. Os identificadores persistentes fornecem chaves exclusivas que permitem o mapeamento preciso de informação entre sistemas, mesmo que o nome de uma pessoa seja expresso de forma diferente ou o título ou nome de um periódico seja abreviado, ou o nome de uma organização esteja listado em idiomas diferentes.

O que é ORCID e como os ORCID iDs são diferentes de outros identificadores para pesquisadores?

O ORCID fornece um identificador único para pesquisadores (ORCID iD). O ORCID é diferente de outros identificadores para pesquisadores porque somos de âmbito não proprietário, interdisciplinar e global. Os ORCID iDs são coletados em fluxos de trabalho de pesquisa para que os pesquisadores possam usar seu iD enquanto realizam seu trabalho – e se beneficiar de conexões perfeitas com suas contribuições e afiliações, economizando tempo ao preencher relatórios e formulários de inscrição. Além disso, o ORCID capacita pesquisadores que possuem e gerenciam seu identificador e registro associado. As conexões são feitas apenas com a permissão explícita do pesquisador, e eles podem usar seu iD durante toda sua carreira, onde quer que estejam e façam o que fizerem.

Qual é a sua visão para incorporar o ORCID em todo o ecossistema de pesquisa?

Os pesquisadores são parte integrante da pesquisa, da academia e da inovação. Prevemos um mundo em que os pesquisadores estejam perfeitamente conectados às suas contribuições e afiliações. Onde os iDs são coletados dos pesquisadores sempre que eles interagem com um sistema de pesquisa – quando eles ingressam em uma nova organização, solicitam uma bolsa ou usam um centro de pesquisa, ou submetem seu trabalho para publicação. Um mundo em que essas interações se tornam registros digitais das contribuições deste pesquisador, que podem ser facilmente compartilhadas.

Por que o ORCID é importante para publishers e fluxos publicação de artigos?

Trabalhos publicados – conjuntos de dados, periódicos, livros ou qualquer número de outras contribuições – são a principal forma pela qual os resultados de pesquisa são revisados e compartilhados com a comunidade. Os publishers são um componente crítico do ecossistema, mediando as conexões entre os autores e seus trabalhos. ORCID fornece um meio de identificar exclusivamente pesquisadores – autores, pareceristas, editores – em periódicos, publishers, idiomas e bases de dados. Quando usado por publishers, ORCID oferece suporte ao processo de pesquisa, permitindo busca, descoberta, reconhecimento e colaboração. Além disso, ORCID pode ajudar em esforços mais prosaicos, incluindo a redução do tempo que os pesquisadores gastam para enviar manuscritos por meio de login único e preenchimento de formulários com informação do registro ORCID do autor. No Brasil, em Maio de 2018, 62 periódicos estão coletando ORCID iDs de autores durante a submissão do manuscrito, por causa de nossa parceria com o SciELO.

Qual é o status atual da implementação do ORCID na América Latina?

Pesquisadores de todos os países da América Latina estão usando ORCID. Atualmente, temos 23 organizações membros na região – no Brasil, Chile, Colômbia, México e Peru – que estão em vários estágios de implementação do ORCID em sistemas de financiamento, publicação e pesquisa universitária. Além disso, o Brasil lançou um consórcio nacional ORCID em 2017, com o objetivo de integrar ORCID em todo o ciclo de vida da pesquisa.

Qual é a visão estratégica do ORCID para a América Latina em geral e o Brasil em particular?

Independentemente do país, nossa visão é apoiar o compartilhamento de informação de pesquisa, com o pesquisador no centro. Nosso objetivo é apoiar comunidades de prática no uso de infraestrutura de pesquisa aberta para construir as ferramentas que apoiam pesquisa aberta. Isso assume diferentes formas, dependendo do contexto local. As comunidades em todo o mundo estão adotando ORCID como um componente essencial da política de pesquisa aberta, como no caso do Redalyc (Red de Revistas Científicas de América Latina y el Caribe, España y Portugal), no México. No Brasil, a comunidade de pesquisa está implementando estas políticas através de seu consórcio ORCID.

O que ORCID está fazendo em nível nacional em todo o mundo?

ORCID tem cerca de cinco milhões de usuários registrados em todo o mundo e continua crescendo. Mais de 850 organizações se uniram a ORCID como membros, a maioria dos quais faz parte de consórcios nacionais em 17 países. Nossos membros estão incluindo ORCID em sistemas de pesquisa e trabalhando conosco para expandir nosso modelo de dados (veja, por exemplo, trabalhos recentes sobre afiliações, recursos de pesquisa e financiamento). Estamos esclarecendo as melhores práticas para implementar ORCID e trabalhando com organizações que criam sistemas de pesquisa para garantir que suas integrações ORCID suportem casos de uso da comunidade.

Onde você espera que ORCID esteja daqui a três anos – na América Latina e globalmente?

Acabamos de concluir um processo de planejamento estratégico, a partir do qual articulamos nossas principais estratégias e desenvolvemos um roteiro de três anos. Ao longo dos próximos três anos, continuaremos nosso trabalho para melhorar a forma como os pesquisadores podem usar o ORCID para compartilhar informação sobre suas contribuições de pesquisa, esclarecer como as afirmações são feitas e usadas, e testar nosso trabalho em constante envolvimento com nossa comunidade global. Em 2018, estamos focando nosso trabalho na comunidade de financiamento; em 2019 nosso foco será nos pesquisadores; e em 2020 estaremos interagindo com pesquisadores e organizações fora de nossa comunidade acadêmica central. Através deste trabalho, nosso objetivo permanece o mesmo: servir a comunidade como um ator confiável e neutro no compartilhamento de informação de pesquisa.

Estamos particularmente empolgados com a comunidade ORCID em desenvolvimento no Brasil. A CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) e ORCID assinaram uma parceria inédita em dezembro de 2017, para a adoção consorciada e coordenada do ORCID em todos os sistemas de informação de pesquisa do país. Este acordo é único e promissor na medida em que envolve, em nível nacional, todas as instituições responsáveis pela coleta e divulgação de informação de pesquisa. Representa um passo importante para a interoperabilidade da informação no ecossistema de pesquisa brasileiro – e fornece um exemplo de ação colaborativa em um cenário internacional.

O Consórcio Brasileiro ORCID inclui a CAPES, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), o Instituto Brasileiro de Informação e Tecnologia (IBICT), o Scientific Electronic Library Online (SciELO), o Conselho Nacional de Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP) e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), que atua como facilitadora. No âmbito do consórcio, o ORCID servirá como um centro de informação, garantindo transparência, maior qualidade de dados e menos trabalho manual para os pesquisadores, à medida que eles interagem com diferentes sistemas de pesquisa.

Esperamos que a experiência do Brasil com o ORCID seja compartilhada em toda a região da América Latina, para o benefício de toda a comunidade de pesquisa.

Referências

2018 Project Roadmap [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/about/what-is-orcid/mission/2018-project-roadmap

DEMERANVILLE, T. Expanding Affiliations in ORCID: An Update [online]. ORCID Blog, 2018 [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/blog/2018/03/01/expanding-affiliations-orcid-update

HAAK, L. Acknowledging Research Resources: New ORCID Data Model [online]. ORCID Blog, 2018 [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/blog/2018/04/10/acknowledging-research-resources-new-orcid-data-model

HAAK, L. ORID: We won’t be sold [online]. ORCID Blog, 2016 [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/blog/2016/08/16/orcid-we-wont-be-sold

Integration Point: Sign In Using ORCID Credentials [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://members.orcid.org/api/integrate/orcid-sign-in

MEJIAS, G. ORCID na América Latina: Uma Atualização [online]. ORCID Blog, 2018 [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/blog/2018/03/02/latam-update-pt

MORTATO, N. Instituições discutem consórcio para assinatura de identificador digital [online]. CAPES. 2017 [viewed 18 May 2018]. Available from: https://www.capes.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/8641-instituicoes-discutem-consorcio-para-assinatura-de-identificador-digital

ORCID for Consortia [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/content/orcid-consortia

ORCID in Publication Workflows: A Step-by-Step Guide for Publishers [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/content/orcid-publication-workflows-step-step-guide-publishers

ORCID Trust – Individual Control [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/about/trust/control

Our Mission [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/about/what-is-orcid/mission

Our Principles [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/about/what-is-orcid/principles

Our strategic plan [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/about/what-is-orcid/mission#strategic-plan

The ORBIT project [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/organizations/funders/orbit

Welcome to Collect & Connect: ORCID’s integration and engagement program [online]. ORCID [viewed 18 May 2018]. Available from: https://orcid.org/content/collect-connect

Links externos

Member Support Center <https://members.orcid.org/>

ORCID Member <https://orcid.org/member>

ORCID Members: Rede Nacional de Ensino e Pesquisa <https://orcid.org/members/0010f00002DzH58AAF-rede-nacional-de-ensino-e-pesquisa-rnp>

Redalyc <http://www.redalyc.org/home.oa>

 

Sobre Laure Haak

Laurel L. Haak, Diretora executiva. Laurel promove a conscientização sobre a missão do ORCID, construindo relacionamentos estratégicos, trabalhando com uma ampla gama de constituintes, garantindo a persistência organizacional e direcionando funcionários e contratados do ORCID. Anteriormente, Laurel era Chief Science Officer na Discovery Logic, Inc; oficial de programa do US National Academies’ Committee on Science, Engineering, and Public Policy (Comitê de Ciências, Engenharia e Políticas Públicas das Academias Nacionais dos EUA); e editora da Science’s Next Wave Postdoc Network na American Association for the Advancement of Science (Associação Americana para o Avanço da Ciência). Laurel é Bacharel em Ciências e Mestre em Biologia pela Universidade de Stanford e obteve o Doutorado em Neurociências em 1997 pela Stanford University Medical School, e foi um pós-doutor nos US National Institutes of Health (Institutos Nacionais de Saúde dos EUA).

 

Traduzido do original em inglês por Lilian Nassi-Calò.

 

Como citar este post [ISO 690/2010]:

SCIENTIFIC ELECTRONIC LIBRARY ONLINE. Identificadores e Pesquisa: Fundamentos e Planos do ORCID – Entrevista com Laure Haak [online]. SciELO em Perspectiva, 2018 [viewed ]. Available from: https://blog.scielo.org/blog/2018/05/18/identificadores-e-pesquisa-fundamentos-e-planos-orcid-entrevista-com-laure-haak/

 

One Thought on “Identificadores e Pesquisa: Fundamentos e Planos do ORCID – Entrevista com Laure Haak

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Post Navigation